Arquivo por categoria XP

A Equipe e os Papéis do XP

Uma equipe XP deve reunir o máximo possível de habilidades técnicas e de negócio possiveis para desenvolver o software. A hierarquia entre os desenvolvedores deve ser rasa e não é recomendável estabelecer uma divisão de tarefas. Inicialmente as responsabilidades são distribuidas de acordo com as especialidades de cada um mas gradualmente, espera-se que essas especialidades sejam disseminada entre os membros da equipe para evitar a concentração de conhecimento e contribuir para o crescimento profissional de todos os membros da equipe. Apesar disso existem papéis que determinados membros da equipe podem assumir. Nesse sentido os papéis mais importantes do XP são:

• Os programadores que são maioria dos membros da equipe;
• O coach que geralmente é o programador mais experiente da equipe e deve assegurar que seus membros estejam executando as práticas propostas e garantir que a metodologia esteja sendo seguida;
• O tracker é o desenvolvedor responsável por prover informações referentes ao progresso do projeto e por mostrar pontos que devem ser melhorados. É da responsabilidade do tracker elaborar os radiadores de informação.
• Na metodologia XP o cliente é considerado parte da equipe visto que ele conhece as regras do negócio, consegue definir prioridades funcionais do software e além de prover feedback do processo de desenvolvimento. Recomenda-se que o cliente esteja presente o tempo todo. Quando isto não for possivel o coach assume o papel de cliente proxy, responsabilizando-se por repassar informações ao cliente real.


Agile desmistificado com Scrum, XP, Kanban, Spotify e Trello

Tags: , , , , , , , , ,

Conhecendo o básico de eXtreme Programming

Continuando a série de posts sobre metodologias, ou frameworks se preferirem, de desenvolvimento de software, nos dois próximos screencasts foi abordado o framework eXtreme Programming (XP). Nele, conceitos apresentados no primeiro screencast sobre Metodologias de Desenvolvimento de Software, são abordados de forma mais aprofundada. Os tópicos apresentados podem ser resumidos em Metodologias Ágeis, XP, Papéis do XP, Principios do XP e práticas do XP.





Agile desmistificado com Scrum, XP, Kanban, Spotify e Trello

Tags: , , , , , ,

Metodologias Ágeis de Desenvolvimento de Software

Como resultado das pesquisas relacionadas ao desenvolvimento do meu TCC, compilei uma série de materiais sobre metodologias de desenvolvimento de software. Parte do resultado desse trabalho eu gravei uma série de screencasts. Na primeira delas são apresentados os conceitos gerais relacionados aos Frameworks Ágeis de desenvolvimento de software. Destacou-se também as principais diferenças desses frameworks em relação às Metodologias Tradicionais como o Cascata, o espiral ou Processo Unificado, por exemplo. Através deste screencast você conseguirá diferenciar, os dois grupos de metodologias, e o que motivou o surgimento das Metodologias Ágeis dentre outras informações.
Resumidamente eu abordei os temas Manifesto Ágil, eXtreme Programming, Scrum, OpenUP.


Agile desmistificado com Scrum, XP, Kanban, Spotify e Trello

Tags: , , , , , , , ,

Metodologias de Desenvolvimento de Software

Estamos começando o desenvolvimento do software ERUDIO – Sistema de Gestão Educacional. O ERUDIO é meu projeto de TCC e de outros dois colegas meus. Os requisitos centrais foram levantados e agora começaremos construir o banco de dados. Além disso precisamos definir qual metodologia vamos adotar no processo de implementação. Após um profundo estudo de várias metodologias estamos com uma certeza, adotaremos uma metodologia de desenvolvimento ágil. Em contrapartida temos uma dúvida qual delas. Estamos empolgados com o eXtreming Programming, com Scrum e um pouco com a novíssima OpenUP. Já verificamos os pontos positivos e negativos de cada uma delas e a duvida permanece. Vamos ver se até o fim da semana resolvemos isso.


Engenharia de Software Essencial: Um guia rápido com foco em Agile

Tags: , , ,