No framework XP a documentação é minimalista na maior parte dos casos apenas o código fonte e os testes a compõem. Para a XP um código claro, simples e bem estruturado facilita a compreensão e mudanças no futuro. Com o auxílio de comentários relevantes o código é a melhor documentação que um software pode ter, além de não se desatualizar. Embora não seja muito indicada, extrair a documentação a partir do código é uma opção utilizada pela XP. Além do código pouco material é produzido apenas os radiadores de informação e os cartões de história.

Os cartões de história são feitos de papel e servem para que os clientes e usuários descrevam funcionalidades que desejam no sistema. Os progaramadores utilizam-nos para direcionar a implementação. Os radiadores de informação por sua vez são graficos e cartazes que demonstram a produtividade da equipe. Estes devem ficar expostos onde todos os membros da equipe e os clientes possam vê-los. Dentre os radiadores de informação o mais importante está a adoção do quadro de tarefas inspirado no Kanban.


Agile desmistificado com Scrum, XP, Kanban, Spotify e Trello